O problema do desperdício de comida

Milhares de toneladas de alimentos são desperdiçados todos os anos em todo o mundo. E a culpa não é apenas de quem os deita fora. Afinal, a sobra do jantar que acabou no caixote do lixo é apenas a ponta de um iceberg que esconde uma dura verdade. E nós queremos contar-lhe qual é.

Desperdício Alimentar: a dura verdade em 9 bolachas

 

Peguemos num pacote de bolachas. Comecemos por tirar 9 bolachas do pacote e imaginar que essas 9 bolachas representam toda a comida que é produzida no mundo durante um ano.

Agora peguemos numa bolacha e deitemo-la fora.

Essa bolacha perde-se antes mesmo de sair do local de onde foi feita. Seja por falta de infraestruturas, de refrigeração, de esterilização ou pasteurização, seja pela matéria-prima desperdiçada que cai de enormes silos de cereais ou até mesmo de caixas para fruta. Essa «bolacha» estraga-se antes de sair dos campos.

As 3 bolachas seguintes são as que utilizamos na pecuária. O milho, o trigo, a soja com que alimentamos os animais.

Infelizmente, como a pecuária também é ineficiente, dois terços dessas 3 «bolachas» são transformadas em excrementos e calor. Assim, só recebemos 1 «bolacha» de volta, que se converte em carne, leite e outros produtos alimentares.

 

A realidade que podemos combater

Restam-nos 6 bolachas. Dessas, 2 vão directamente para o lixo. Seja o lixo de casa, o contentor do supermercado ou os caixotes do restaurante.

Quer descobrir formas para ajudar a reduzir o desperdício de alimentos? Comece por estas dicas!

 

Depois de todo este desperdício, o que resta então?

Restam-nos 4 bolachas para alimentar o mundo.

Dessas 4, quase 3 estão nos países mais desenvolvidos e pouco mais do que 1 bolacha alimenta o resto do mundo.

Não é uma gestão muito eficiente dos recursos globais, principalmente se pensarmos que existe hoje um bilião de pessoas a enfrentar situações de fome.

Portanto, da próxima vez que for deitar fora comida que ainda está em bom estado, pense nisto e pare o que está a fazer. É o primeiro passo para um mundo melhor para todos – que começa consigo.

Infografia sobre desperdício alimentar

A dura verdade em 9 bolachas